Fórum MJ Art

Seja bem-vindo!

O Fórum MJ Art é totalmente dedicado ao eterno Rei do Pop, Michael Jackson.
Para ter acesso a todo nosso conteúdo, basta efetuar seu login ou se registrar.

Venha fazer parte da nossa família!


    [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Compartilhe
    avatar
    Tay
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 520
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 30
    Localização : Rio Grande do Sul

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Tay em Qui Ago 08, 2013 8:05 pm

    Jackson x AEG - 55º Dia - 24 de julho de 2013

    Fonte: MJJC
    Tradução: Tay, para o fórum MJ Art

    Testemunho de John Meglen 


    O executivo da AEG Live, John Meglen, está de volta. Ele está sendo interrogado pelo advogado de Jackson, Brian Panish. (AP)

    Meglen disse que está trabalhando com Paul Gongaware por 35 anos. Panish perguntou se Meglen concorda com Gongaware que a venda de bilhetes de MJ foi a mais rápida na indústria.
    Meglen: Eu não acho que concordo com essa afirmação, mas acho que isso é o que pensa Paul.

    Panish: Você concorda ou discorda que esta foi a venda de ingressos mais incrivel que Sr. Gongaware já viu?
    Meglen: Concordo que é o máximo que Paul tenha visto (ABC7)

    Panish: Você concorda com Randy Phillips, CEO da AEG,  que o Sr. Jackson tinha a obrigação de participar de ensaios?
    Meglen: Eu não sei o contexto em que esta pergunta foi feita. Você está me pedindo para opinar sobre o que Randy estava pensando.

    Meglen: Eu não sei se Michael tinha uma obrigação contratual. "Randy pode ter sentido que Michael era obrigado, mas não sabia que estava contratualmente obrigado", disse Meglen.

    Meglen: Concordo que um artista deve ir para alguns dos ensaios, sim (ABC7)

    Panish: Você concorda que MJ era um artista maior do que Celine Dion, sim ou não?
    Meglen: Eu, pessoalmente, acredito que isso não é verdade. (ABC7)

    Panish apresentou a deposição de Meglen, onde foi perguntado sobre o começo das negociações com MJ. Meglen disse que foi verão ou outono de 2008. (ABC7)

    Meglen disse que ele não estava na mesa durante a negociação, ele estaria no escritório fazendo o seu trabalho. Meglen disse que a negociação não é apenas o contrato, mas diversas conversas sobre a turnê. Meglen explicou que ele estava envolvido nas discussões internas, em conversas com Gongaware e Phillips. Ele nunca analisou o contrato como estava sendo elaborado, Meglen disse. (ABC7)

    Meglen disse que ele não estava envolvido no filme "This Is It". Panish disse que foi creditado como co-produtor do filme. Meglen disse que era um co-produtor do show, não do filme. Meglen explicou que Gongaware não esteve envolvido na turnê de Celine Dion, mas eles dão créditos um ao outro. (ABC7)

    Perguntou a Meglen sobre contenção de Phillips em um email de que Jackson poderia vender 200 shows em Londres. Meglen disse que não concordava e não acreditava que Jackson poderia fazer 200 shows em Londres.

    Ele acrescentou que ninguém na empresa tem uma "bola de cristal." Ele disse que  Phillips pode ter acreditado que isso era verdade, mas ele não acreditava que Jackson poderia fazer 200 shows em Londres. (AP)

    Meglen disse que não teve e-mails dos gerentes do show dizendo que o artista estava se deteriorando. "Já tive situações em que artistas estiveram doentes antes, sim", disse Meglen.  (ABC7)

    "Nós não contratamos médicos, se o artista quer o seu médico lá, a nossa forma de verificar isso é indo ao artista", disse Meglen (Abc7)


    AEG

     Jessica Bina questionou sobre a proposta para o show em Las Vegas em 2010 com o Espólio de MJ. Meglen disse que tomou conhecimento que o Cirque du Soleil estava ansioso para chegar a um acordo feito com o Espólio sobre ter um show de MJ. Meglen disse que seu argumento era de que havia algo melhor para fazer. (ABC7)

    Meglen disse novamente que ele não concorda com a opinião de Phillips, que havia 200 + mais shows a serem realizados em Londres. Meglen disse colocando 13 milhões de ingressos à venda não estava em sua mente. Ele esperava a Londres mostra a fazer o bem. O executivo disse que quando MJ disse: "This is It" as pessoas pensavam que era ele. Mas se ele foi para outras cidades, este não era, afinal. Meglen disse que no momento em que MJ morreu, havia apenas 50 shows acordadas entre MJ e AEG. Meglen disse que por menor preço do bilhete TII foi uma grande venda. (ABC7)


    Jackson

    Panish: Estavam Paul Gongaware e Randy Phillips mais envolvidos no TII do que você?
    Meglen: Sim (ABC7)


    Jackson

    Panish perguntou que se MJ quisesse uma turnê em todo o mundo, a AEG teria sido capaz de fazer isso acontecer. Meglen disse que poderia ter criado os arranjos. "Eu não posso te dizer quantas mais visitas Michael Jackson poderia ter feito , é pura especulação", disse Meglen.

    Panish: Você sabia que MJ disse aos seus filhos que iriam em uma turnê mundial?
    Meglen: Eu não tenho idéia (ABC7)

    Meglen foi dispensado.

    Vídeo de Deposição do Dr. Alimorad Farshchian

    A deposição foi em agosto de 2012. Marvin Putnam fez o questionamento. (ABC7)

    Dr. Farshchian tratou MJ de abril de 2001 a 2003. . "Eu era um de seus médicos", disse Dr. Farshchian. Ele disse que MJ estava tendo um problema com o tornozelo (ABC7)

    Putnam: Você se lembra da primeira vez que ele disse que ele queria estar limpo de drogas? "Ele estava tentando deixar o Demerol", disse Dr. Farshchian.

    Dr. Farshchian disse que a principal preocupação de MJ eram seus filhos, sempre seus filhos, faria para os filhos, passar mais tempo com seus filhos. (ABC7)

    Naquela época, Dr. Farshchian disse que não estava seguindo MJ na mídia. Nesse ponto, para mim ele era apenas um paciente. (Abc7)

    Putnam: Será que MJ disse que era viciado em Demerol?
    Dr. Farshchian: Não em certas palavras
    Putnam: Será que ele procurou tratamento com você?
    Dr. Farshchian: Eventualmente (ABC7)

    Dr. Farshchian: Para tratar a Michael para esse problema, eu pensei que, por ele viajar um pouco, ele precisava de algo que estivesse com ele. Eu escolhi naltrexona, Dr. Fashchian testemunhou.

    Dr. Farshchian disse que implantou mais de um patch da droga em MJ. Normalmente dura de 60 a 90 dias no corpo. MJ tinha implantado 5 vezes.

    Dr. Farshchian disse que a pele de MJ teria alergia ao patch, ele não estaria muito confortável. Dr. Farshchian: Geralmente é colocado no abdômen inferior ao umbigo, do lado direito ou esquerdo, e removido após 90 dias. (ABC7)

    Cronograma do registro médico (ABC7)


    21 de julho 02 - envia mais informações sobre Buprenex, pois não recebeu nenhuma resposta dele e tenta intervir.

    Jackson tinha algum tipo de infecção na perna, ele estava indo para a Alemanha, no momento, por isso o Dr. Farshchian foi com ele para o tratamento de sua condição.

    20 out 02 - paciente precisa de alguma ajuda com seu problema de dependência. Ele não quer ir para uma clínica de reabilitação, apesar da pressão da família. Discutiu com ele a opção de naltrexona.

    Dr. Farshchian disse que Jackson foi inflexível sobre ir para uma clínica de reabilitação. Ele estava preocupado com sua privacidade e com paparazzis.

    04 de novembro 02 - peso de Jackson era 128 [medida de peso nos EUA - não em kg] - pré-procedimento, cortar a pele, insirir o chip de implante de naltrexona.

    Dr. Farshchian usou anestesia local com lidocaína a 1%, feito em consultório médico em Miami.

    06 de novembro 02 - telefonema, afirma que ele está indo bem, um pouco de insônia

    Dr. Farshchian disse que levava 10 horas de Neverland a Miami. Jackson disse que ia ver um psicólogo. "Jackson era muito privado, com tudo", disse Dr. Farshchian.

    Na época, ele estava reclamando de insônia. Ele estava vendo um herbologist para ele. Dr. Farshchian disse que Jackson sempre teve problemas para dormir. "Para mim, sua insônia foi causada, possivelmente, por ter redução nessa área dentro do nariz ... chamada cornetos, é chamada de síndrome do nariz vazio, para mim isso foi a causa [da insônia].


    26 nov 02 - ferida no tornozelo melhorou

    Jackson teria coceira, alguma erupção cutânea. Michael realmente queria fazer isso, ele voltou para fazer o procedimento, Dr. Farshchian disse.

    26 nov 02 - segundo procedimento de naltrexona

    27 nov 02 - sem náuseas, vômitos, diarreia. Implante de naltrexona no abdômen bem colocado: continuar o tratamento atual, o paciente sóbrio x 20 dias

    29 nov 02 - se sente muito bem, dorme bem. Nenhum sinal da retirada de opiáceos.

    02 de dezembro 02 - se sente muito bem, dorme bem. Paciente sóbrio, indo agora para os 12 etapas com ele

    Dr. Farshchian: Cada uma das etapas é algo ligado sobre pedir a Deus para ajudá-lo a ter força na batalha contra o vício. Houve um período de tempo em que Jackson ficou [na casa] com Dr. Farshchian, ficou mais de duas vezes, os filhos em uma vez. O médico vive em Miami Beach. Grace Rwaramba ficou na casa também. Dr. Farshchian disse ele converteu sua garagem em um quarto para Jackson. Ele nunca tratou Jackson em casa.

    04 de dezembro 02 - implante de Narcan em seu lugar. Exerceu as 12 etapas com ele

    20 jan 03 - retorno do paciente para outro implante, sóbrio há mais de dois meses, seguem as 12 etapas do programa. Peso: 135 lbs [medida de peso nos EUA]

    03 abril 03 - retorno do paciente para outro implante, sóbrio por quase 6 meses após o programa de 12 etapas, pelo menos uma vez por semana com a assistente social.

    02 de julho 03 - paciente retornou para outro implante, sóbrio por quase nove meses, com bom programa de 12 etapas

    Dr. Farshchian disse que achava que era o suficiente, o tratamento foi feito.

    (Os autores afirmam que Jackson estava magro, a autópsia registrou que ele pesava 136lbs quando morreu. Farschian testemunhou que Jackson pesava 128lbs quando o tratava.)

    A próxima vez que Dr. Farshchian viu Michael foi no fim de semana depois que ele foi preso.
    Putnam: Como ele estava?
    Dr. Farshchian: Não muito bem.
    Putnam: Ele estava usando drogas de novo?
    Dr. Farshchian: Não (ABC7)


    Dr. Farshchian não tem conhecimento de MJ fazer qualquer outro tratamento. (ABC7)

    Dr. Farshchian  disse que quando o terceiro filho de MJ, Blanket, acabara de nascer, havia "um macaco nas costas ', ele não queria mais fazer isso. "O macaco nas costas" era o uso de Demerol, Dr. Farshchian disse. Dr. Farshchian disse que não sabia por que MJ tornara-se viciado ou começou a tomar Demerol. O médico disse que MJ não abusava de outras drogas ou álcool. (ABC7)

    MJ estava vendo outros médicos no CA.

    Dr. William Van Valin - Dr. Farshchian não o conhece
    Dr. Murray - Dr. Farshchian não o conhece
    Dr. Arnold Klein - Sim, ouviu sobre ele através da mídia
    Dr. Steven Hoefflin - Dr. Farshchian não o conhece
    Dr. Metzger - sim, médico de MJ em Los Angeles, pode ter falado com ele. Falou sobre implantes, o que fazer com ele, como ele devia parecer (ABC7)

    A última vez que o Dr. Farshchian falou com a Sra. Jackson foi no funeral. Antes falou com ela em um Natal de 2002, em Neverland. Ele disse que também teve um telefonema com a Sra. Jackson, onde ela queria saber sobre os implantes. Michael chamou a Sra. Jackson e Dr. Farshchian disse que estava tratando MJ para o vício em Demerol. (ABC7) O médico disse que ele falou diretamente com ela sobre o tratamento de desintoxicação do cantor. "Eu acho que ela queria saber tudo sobre ele, o que estava acontecendo", disse Farschian. (ABC)

    A última vez que ele falou com MJ ao telefone foi no inverno de 2004. Sua primeira impressão foi de que ele queria ficar melhor por causa dos filhos. (ABC7)

    "Eu me lembro que estava em Neverland. Michael mostrou o implante a sua mãe. Apenas a mãe dele estava lá. Ela estava muito feliz", disse Farschian. (ABC)


    Última edição por Tay em Sab Ago 10, 2013 9:48 pm, editado 1 vez(es)
    avatar
    joseph fortunato
    Membro Novato
    Membro Novato

    Mensagens : 24
    Data de inscrição : 10/08/2013
    Idade : 23
    Localização : brasília

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por joseph fortunato em Sab Ago 10, 2013 12:40 am

    Vocês sabem o que acontece se os jackson perderem ? rola um negócio chamado ônus da sucumbência, que além dos jackson pagarem integralmente os advogados da aeg eles terão, que pagar o valor integral pedido nesse processo a aeg isso que dizer 1 b de dolletas, não estou torcendo por ninguém, e não sou fã do michael sempre admirei como uma pessoa muito boa com coração de ouro e acreditei na sua inocência desde quando ele foi acusado por aquele demônios, ele era uma criança eterna e as pessoas como de praxe viram a maldade nisso lamentável, mas ia ser cômico essa reviravolta os jacksons tirando filhos do mj e outros poucos pagarem pela ganancia, mas da onde eles tirariam isso? catalogo do jackson da sony? a janet jackson e sua fortuna? ou espólio do mj? isso é lei e me informei com um amigo que faz direito lá na califórnia e está no ultimo ano ele também acompanha, essa parte da jurisprudência de litígios judiciais e parecida com a do brasil mas aplicabilidade não é a mesma, meu interesse é apenas na sua filha com todo respeito é claro, que deus abençoe todos vocês I love you
    avatar
    Vall
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 575
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 50
    Localização : Mundo de Michael Jackson

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Vall em Sab Ago 10, 2013 2:52 pm

    joseph fortunato escreveu:Vocês sabem o que acontece se os jackson perderem ? rola um negócio chamado ônus da sucumbência, que além dos jackson pagarem integralmente os advogados da aeg eles terão, que pagar o valor integral pedido nesse processo a aeg isso que dizer 1 b de dolletas, não estou torcendo por ninguém, e não sou fã do michael sempre admirei como uma pessoa muito boa com coração de ouro e acreditei na sua inocência desde quando ele foi acusado por aquele demônios, ele era uma criança eterna e as pessoas como de praxe viram a maldade nisso lamentável, mas ia ser cômico essa reviravolta os jacksons tirando filhos do mj e outros poucos pagarem pela ganancia, mas da onde eles tirariam isso? catalogo do jackson da sony? a janet jackson e sua fortuna? ou espólio do mj? isso é lei e me informei com um amigo que faz direito lá na califórnia e está no ultimo ano ele também acompanha, essa parte da jurisprudência de litígios judiciais e parecida com a do brasil mas aplicabilidade não é a mesma, meu interesse é apenas na sua filha com todo respeito é claro, que deus abençoe todos vocês I love you
     Seja bem vindo Joseph Fortunato, muito interessante essa informação que nos trás, eu realmente não faço ideia de onde os Jacksons tirariam esse dinheiro todo, só sei que tirando os filhos de MJ.. o resto pra mim que se dane.. se eles perderem to é achando bom.. só pelo fato desse pessoal ser muito ganancioso e terem usado Michael a vida toda.. e expô-lo novamente nesse julgamento, colocando novamente Michael como o culpado de tudo isso, acho que os Jacksons não merecem ganhar.

    Os Jacksons não tem direito a nada pertencente ao Michael, somente os filhos são seus herdeiros. A mãe dele recebe uma pensão gorda e muito gorda, ela só está nesse processo porque quer dar dinheiro para os outros filhos dela... acho que os executores do espólio terão que liberar o dinheiro porque o processo contra a AEG é pertencente a KAtherine e os filhos de Michael.
    Os executores do espólio não tem compromisso com os JAcksons, mas, tem com os Ps... portanto acredito que terão que pagar.

    Que bacana que gosta da Paris.. também gosto muito dela.. é a nossa princesa!
    avatar
    joseph fortunato
    Membro Novato
    Membro Novato

    Mensagens : 24
    Data de inscrição : 10/08/2013
    Idade : 23
    Localização : brasília

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por joseph fortunato em Sab Ago 10, 2013 6:10 pm

    Vall escreveu:
    joseph fortunato escreveu:Vocês sabem o que acontece se os jackson perderem ? rola um negócio chamado ônus da sucumbência, que além dos jackson pagarem integralmente os advogados da aeg eles terão, que pagar o valor integral pedido nesse processo a aeg isso que dizer 1 b de dolletas, não estou torcendo por ninguém, e não sou fã do michael sempre admirei como uma pessoa muito boa com coração de ouro e acreditei na sua inocência desde quando ele foi acusado por aquele demônios, ele era uma criança eterna e as pessoas como de praxe viram a maldade nisso lamentável, mas ia ser cômico essa reviravolta os jacksons tirando filhos do mj e outros poucos pagarem pela ganancia, mas da onde eles tirariam isso? catalogo do jackson da sony? a janet jackson e sua fortuna? ou espólio do mj? isso é lei e me informei com um amigo que faz direito lá na califórnia e está no ultimo ano ele também acompanha, essa parte da jurisprudência de litígios judiciais e parecida com a do brasil mas aplicabilidade não é a mesma, meu interesse é apenas na sua filha com todo respeito é claro, que deus abençoe todos vocês I love you
     Seja bem vindo Joseph Fortunato, muito interessante essa informação que nos trás, eu realmente não faço ideia de onde os Jacksons tirariam esse dinheiro todo, só sei que tirando os filhos de MJ.. o resto pra mim que se dane.. se eles perderem to é achando bom.. só pelo fato desse pessoal ser muito ganancioso e terem usado Michael a vida toda.. e expô-lo novamente nesse julgamento, colocando novamente Michael como o culpado de tudo isso, acho que os Jacksons não merecem ganhar.

    Os Jacksons não tem direito a nada pertencente ao Michael, somente os filhos são seus herdeiros. A mãe dele recebe uma pensão gorda e muito gorda, ela só está nesse processo porque quer dar dinheiro para os outros filhos dela... acho que os executores do espólio terão que liberar o dinheiro porque o processo contra a AEG é pertencente a KAtherine e os filhos de Michael.
    Os executores do espólio não tem compromisso com os JAcksons, mas, tem com os Ps... portanto acredito que terão que pagar.

    Que bacana que gosta da Paris.. também gosto muito dela.. é a nossa princesa!


    Problema é ppb pagarem por isso, já que foram forçados a testemunhar, mas espólio deles cobririam 1 bilhão de dollares, acho que não, única coisa que pagaria isso é parte que eles tem do catalogo do michael na sony, e seria um desastre se eles vendessem isso para pagar a ganancia desses canalhas que tiveram uma parcela de culpa na morte do michael, nunca fui fã do michael nem de suas musicas admirava ele pela sua bondade que ele tinha com próximo sem cobrar nada em troca, mas como ser humano é ruim e ganancioso e falso acusaram aquele bom homem de coisa horríveis e mentirosas, sempre acreditei nele mesmo não sendo fã, e repudiava qualquer filme que tirasse sarro disso ou pessoas quem tentavam fazer comédia com isso, paris é menina linda seu tivesse muito dinheiro casaria com ela haha ela tem uma beleza incomparável mas quem sabe até não fico rico e compro uma mansão do lado dela no calabasas haha, esse julgamento terminará esse mês ainda não é vc acha que os jackson tem alguma chance de ganhar ouvi dizer que 100 milhões irão para as crianças, eu não estou acreditando nisso pq se eles pudesse tirariam ppb do testamento, fiquem com deus I love you .
    avatar
    Tay
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 520
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 30
    Localização : Rio Grande do Sul

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Tay em Sab Ago 10, 2013 8:04 pm

    Eu, sinceramente, não tenho apostas sobre quem ganhará esse processo. De primeira, pensei que a AEG estivesse encrencada. Mas após o início dos depoimentos dos Jacksons... sei não! Muitas contradições, argumentos fracos. muitas falta de credibilidade, algumas mentiras. O depoimento da Katherine foi uma decepção!
    avatar
    joseph fortunato
    Membro Novato
    Membro Novato

    Mensagens : 24
    Data de inscrição : 10/08/2013
    Idade : 23
    Localização : brasília

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por joseph fortunato em Sab Ago 10, 2013 8:40 pm

    Cara esse processo é uma roleta russa mesmo, tiro no escuro eles podem se prejudicar mais ainda, não é porque eles tem um bom histórico de vitórias judiciais que isso vá ajuda-los, porque os outros julgamentos ja eram certos de vitória, michael era inocente e muray errou foi negligente, mas esse não tem como prever, além de ter trago coisas a tona que machucaram muitas pessoas, como minha amada paris I love you , próxima a depor é a debbie mas ela vai estar de que lado? feliz dia dos pais e que deus abençoe vocês.
    avatar
    Tay
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 520
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 30
    Localização : Rio Grande do Sul

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Tay em Sab Ago 10, 2013 9:46 pm

    Jackson x AEG - 56º Dia - 25 de julho de 2013

    Fonte: MJJC
    Tradução: Tay, para o fórum MJ Art

    Katherine Jackson estava no tribunal.

    Fora da presença de júri, o advogado de Jackson, Brian Panish, expressou preocupação sobre a próxima testemunha. Enfermeiro e anestesista David Fournier teve conversa com o Dr. Klein e os réus querem introduzir essa conversa no testemunho.

    Fournier realizou anestesia em MJ. 'Oh, ele tem um implante de Narcan,' Dr. Klein teria dito a Fournier, que dirigiu então Fournier sobre como tratar MJ. Panish disse que isso foi em 2003. Ele afirma que é evidência de caráter, que MJ nunca tenha revelado isso ao enfermeiro. Ele também afirma ser um boato.

    Testemunho de David Fournier (enfermeiro anestesista)


    AEG


    Kathryn Cahan fez as questões para David Fournier. Ele testemunhou duas vezes antes.

    Ele é um anestesista enfermeiro certificado, treinado na especialidade de anestesia. Ele fez Licenciatura em Enfermagem e Mestrado em Anestesia.

    Fournier disse que recebeu um telefonema, em 1992, a cargo de um dermatologista. O Médico tinha uma preocupação, poderia haver reação anafilática a inoculações.

    Fournier: Eu inicialmente recusei, eu não faço isso, doutor foi muito insistente, me ofereceu dinheiro antecipadamente. "Ele disse que era muito importante que eu fosse, uma vez que era Michael Jackson", Fournier lembrou. Fournier disse que o médico estava muito preocupado, não quero que nada dê errado. O manejo das vias aéreas é uma das suas habilidades, Fournier disse.

    De três a seis meses mais tarde, Fournier lembrou que foi chamado de volta para tratar MJ. Em janeiro de 1993.

    A maioria dos registros foram destruídos devido ao tempo, Fournier disse. A última vez que ele tratou Michael foi em 2003, cerca de seis anos antes de sua morte. Ele tratou MJ por cerca de 10 anos.

    Algumas das vezes eu não lhe dei a medicação, apenas observei, Fournier disse. Fournier estima que tratou MJ de 30 a 35 vezes, com anestesia, talvez 25 vezes.

    Fournier disse que sempre pede a altura e peso do paciente e se acha que o peso está fora do normal, ele coloca o paciente em escala. Michael teve um número de pseudônimos, Omar Arnold era um deles, Fournier disse. MJ disse que pesava 130 lbs* em janeiro de 2000.

    O peso é um fator de anestesia, Fournier disse. Ele dá uma estimativa de por onde começar a dosagem. Fournier: Eu acho que ele pesava entre 130 e 140 lbs durante os 10 anos em que eu o tratava.

    Uma vez, Fournier disse que perguntou por que MJ pesava 130lbs. Ele disse que o cantor disse que estava em turnê, dançando.

    Cahan perguntou se preocupava que MJ estivesse com peso baixo.
    Fournier: não, ele estava magro, musculoso, em boa forma, então não.

    O enfermeiro trabalhou com MJ para os seguintes procedimentos: redução do couro cabeludo por causa da queimadura que ele sofreu, abscesso dentário, canal de raiz, extensa tatuagem nos lábios, olhos, área marrom, Botox, colágeno e injeções de preenchimento

    Cahan: Você costuma anestesiar pacientes que recebem Botox ou enchimentos?
    Fournier: Não.

    Fournier: Michael era especial nisso. Em vez de cinco ou seis injeções que as pessoas normalmente recebem, MJ teria 50 a 100. MJ recebeu 100 das injeções em torno do olho, várias partes do seu rosto. É mais do que os pacientes médios, precisava ser sedado para tolerar a dor.

    Fournier usa Propofol desde 1990. O apropriado é usar a droga principalmente na sala de cirurgia e / ou ambiente controlado, disse ele.

    Propofol não está disponível em forma de pílula e não é dado como prescrição para os pacientes, pois é um anestésico, perigoso, Fournier disse. Se o medicamento não está em mãos próprias, administrado com um acompanhamento adequado, é perigoso, Fournier explicou.

    Cahan disse que contou 14 ocasiões diferentes em que Fournier administrou Propofol em MJ. Ele tem registros de 2000, 2002 e 2003 apenas. De 1993 a 2000, não há registros médicos. Ele disse que acredita que deu Propofol a MJ em 2001, mas não tem registros. Ele disse que não administra anestésicos após setembro de 2003.

    Registro médico a partir de 11/04/02:
    Omar Arnold
    Peso: 132 lbs [aprox. 59kg]

    Dr. Koplin
    Múltiplas injeções de colágeno
    Drogas adicionais dadas - Propofol 140 mg

    Fournier: O nome comum (de Propofol) é "leite da amnésia". Uma vez eu me lembro que (MJ) se referiu a ele como "leite".

    Fournier disse que MJ era muito simpático e eles se tornaram amigos. Ele visitou Neverland duas vezes.

    MJ nunca lhe disse que estava usando Propofol para ajudar a dormir. Fournier disse que nunca usou Propofol para tratar um paciente com insônia.

    Versad é um benzodiazepínico, o mesmo que Valium, Fournier explicou. "Ele estava tomando um pouco mais do que eu antecipei para mantê-lo confortável", disse Fournier. A dose inicial normal de Fournier é de 1 mg de Versed. Este era um procedimento dentário.

    O enfermeiro não pode executar qualquer procedimento sem um médico presente.

    Médicos de MJ:

    - Dr. Arnold Klein (dermatologista)
    - Dr. Stephen Hoefflin (cirurgia plástica)
    - Dr. Allan Metzger (internista)
    - Dr. Lawrence Koplin (cirurgia plástica)
    - Dr. Edward "Lee" Baxley (dentista)
    - Dr. Leslie Levine (dentista)
    - Dr. Lee Bosley (restauração do cabelo)
    - Dr. Gary Tearston (cirurgia plástica reconstrutiva)

    Fournier disse que não é apropriado dar Propofol em um ambiente doméstico. Ele nunca permitiria que um paciente ditasse como dar anestesia.

    MJ estava muito preocupado com sua privacidade, Fournier disse. Ele não podia sequer ir às compras sem estar disfarçado. "Ele amava as pessoas, mas as pessoas poderiam ser arrogantes às vezes", explicou Fournier. Fournier disse que se MJ teria procedimentos realizados durante a tarde, entrava pela porta traseira, com guarda-costas e guarda-chuva para proteger das câmeras. MJ usava pseudônimos, antes de sair, olhava para fora para ver se os paparazzi estavam lá. Outras pseudônimos que MJ utilizava: Michael James, James Jack.

    "Os procedimentos eram feitos durante a noite para proteger sua privacidade e para a sua segurança", disse Fournier.

    Fournier disse que três dias antes do procedimento era seu aniversário e MJ ligou para desejar feliz aniversário. "Seu discurso estava arrastado", disse o enfermeiro. Fournier declarou que Michael disse que ele estava cansado, ou talvez tenha tomado algo para dormir. "Ele estava mais do que cansado, ele estava pronunciando as palavras", disse Fournier. "Eu achava que algo estava acontecendo." Fournier disse que questionou MJ sobre a fala arrastada, se ele estava usando drogas recreativas. Ele negou, disse que não estava usando nada.

    Fournier: A última vez que tratou MJ, poucos meses depois, ele veio para o centro cirúrgico. Ele estava um pouco pateta, uma pouco lento para responder.

    Fournier: Eu perguntei se havia alguma mudança na medicação, ele negou, eu não acreditei nisso, cancelei o procedimento. "Ele estava agindo inapropriado", Fournier lembrou.

    Depois disso, Fournier explicou o que aconteceu ao seu relacionamento. Fournier: Apesar de 10 anos de qualidade de atendimento, e cuidar bem dele, ele (MJ) nunca me ligou de volta. Fournier: Eu me senti este período aqui, em junho (de 2003), ele não foi honesto comigo.

    Fournier disse que no pós-operatório os pacientes que querem ir para casa, um adulto deve manter um olho sobre eles por 24 horas.

    "Eu disse-lhe para ir para casa e, em vez de ir para casa ele foi ensaiar", disse Fournier. MJ torceu o tornozelo no ensaio para o Grammy Awards. Fournier disse que diz aos pacientes após a anestesia para retomarem a dieta lentamente. Disse a MJ para ir para casa, comer bolachas, sopa. Mas ele disse que passava por perto do Kentucky Fried Chicken, viu a limusine de MJ estacionada. Fournier bateu na janela e viu MJ comendo um balde de frango e alguns biscoitos. "Ele estava envergonhado", disse Fournier.

    Fournier também testemunhou que Jackson não conseguiu seguir as suas instruções em duas instâncias depois de ser sedado para procedimentos. Jackson foi a um restaurante de frango frito comer um balde de frango em vez de ir para casa e comer bolachas, ele testemunhou. Outra vez, ele foi para um ensaio para uma apresentação do Grammy e torceu o tornozelo, disse ele. (CNN)

    Toda vez que eles se encontraram, Fournier disse que eles conversaram sobre os medicamentos que ele estava tomando.

    Cahan: Alguma vez você administrou um opióide / analgésico em um processo?
    Fournier: sim. Fentanil, Demerol, Dilaudid

    Eles são substâncias controladas para aliviar a dor, Fournier acrescentou. MJ disse que não gostava de Demerol, de acordo com o enfermeiro.

    Cahan: Nos últimos tempos você tratou MJ, ele pediu para não usar Demerol?
    Fournier: Sim, ele disse que não gostava, não queria.

    "Meu entendimento é que a última vez que ele teve um problema (com Demerol) foi em 1993, quando ele anunciou ao mundo", disse Fournier.

    Fournier disse que correu para MJ em 2005, na sala de espera de um consultório médico.

    Jackson


    Em cada instância na qual foi dado propofol a Jackson foi clinicamente justificado, Fournier disse.

    Ele primeiro sedou Jackson em 1993, quando estava sendo tratado pelas graves queimaduras no couro cabeludo que sofreu durante as filmagens de um comercial da Pepsi vários anos antes, disse ele.

    Jackson nunca pediu por medicamentos específicos e nunca brigou, ele disse. Todos os médicos que trataram dele eram médicos respeitados, disse ele. O relacionamento amigável de Fournier com Jackson terminou em novembro de 2003, quando ele cancelou um procedimento porque Jackson estava "um pouco pateta, um pouco lento para responder." Fournier disse que ele se recusou a sedar Jackson porque ele suspeitava que estava mentindo  sobre seu uso de drogas. (CNN)

    Michael Koskoff fez o interrogatório.

    Fournier disse que sabia que MJ tinha um problema de sono.

    Dr. Klein disse a Fournier que MJ tinha um implante de Narcan, ele foi para casa, pesquisar sobre isso e não conseguiu encontrar nada sobre. "Eu sei os efeitos de Narcan", disse Fournier. Ele pode causar parada cardíaca, taquicardia, desfibrilação. Naloxene, que é Narcan - Fournier tem familiaridade com ele. Fournier não está acostumado a naltrexona, mas disse que também é um inibidor de opiáceos.

    Koskoff: Você conhece os efeitos da Naltroxene em anestesia?
    Fournier: Teria o mesmo efeito destes tipos de drogas, efeito antagonista a opiáceo e são dose-dependentes.

    Koskoff: Em cerca de 10 anos ele nunca relatou-lhe alergia ao Demerol?

    Fournier: Ele nunca me disse que ele era alérgico a (Demerol), ele disse que não gostava. No prontuário médico, Fournier escreveu alergia ao Demerol. Ele disse que era um código para não dar a MJ essa droga.

    Koskoff: Fisicamente, durante o tempo que o tratou, ele pareceu bem?
    Fournier: Sim

    Fournier disse que MJ estava muito magro e frágil em fotos que viu  em 2009. Koskoff perguntou se MJ era o mesmo de quando Fournier o tratava. "Estava mais magro", respondeu Fournier.

    AEG

    Durante o interrogatório, Fournier disse que Jackson nunca pediu qualquer medicamentos específicos, incluindo propofol, durante procedimentos ou pediu para ser sedado por mais tempo do que o necessário.

    Fournier disse que sabia que Jackson tinha recebido um número acima da média de tratamentos por anestésicos durante sua vida, e muitos estavam relacionados aos procedimentos necessários após Jackson ter sido gravemente queimado em uma sessão um comercial da Pepsi em 1984. Fournier disse que não era comum administrar uma anestesia durante procedimentos cosméticos, mas os feitos em Jackson haviam dezenas de injeções. Alguns dos procedimentos estavam perto do olho e sedação de Jackson era necessária para mantê-lo quieto, Fournier disse. Fournier também disse que nunca teve qualquer indicação de que o cantor estava usando propofol como um tratamento para a insônia. (AP)
    avatar
    joseph fortunato
    Membro Novato
    Membro Novato

    Mensagens : 24
    Data de inscrição : 10/08/2013
    Idade : 23
    Localização : brasília

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por joseph fortunato em Sab Ago 10, 2013 10:25 pm

    Nossa que triste isso coitado do michael tratavam ele como uma maquina coitado, ele era um ser humano, esse enfermeiro foi a favor da aeg ? ele aplicava perto do olho as injeções ou li errado? é jacksons vcs vão ter que inovar no próximo pq depois desse depoimento e daquele ex segurança do caso disney ta complicado para vcs, galera não sei se pode posta link aqui ... mas tem uma coisa macabra no face original da paris no nome da url 
    https://www.facebook.com/homisuicide?fref=ts vejam o nome homisuicide ela mudou uns dias antes de tentar se matar, esse é facebook original dela, se notaram antes ignorem, isso parece uma mensagem subliminar realmente não sei, fiquem com deus.
    avatar
    Tay
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 520
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 30
    Localização : Rio Grande do Sul

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Tay em Sab Ago 10, 2013 11:21 pm

    Jackson x AEG - 57º Dia - 26 de julho de 2013

    Fonte: MJJC
    Tradução: Tay, para o fórum MJ Art

    Vídeo de deposição de Dr. Scott Saunders

    Advogado Adam Hunt fez o questionamento.

    Dr. Saunders escreve um blog intitulado "The Love Triangle". Publicado em sábado, 10 de setembro, 2011: "Eu tinha um amigo, Michael Jackson, que era muito solitário, porque ele não amava. Haviam muito poucas pessoas em quem podia confiar e amar.".

    Hunt perguntou como eles se tornaram amigos. Dr. Saunders disse que MJ o convidou para seu rancho. Ele não lembra quando, mas menos de 15 anos atrás.


    Ele também não se lembrava de quando MJ  vê-lo.

    Dr. Saunders: Eu recebi um telefonema de uma mulher que não quis identificar-se e perguntou se eu estaria disposto a fazer uma chamada de casa. "E eu disse que sim e ela me deu o endereço".  "Ele teve uma infecção respiratória superior", disse o Dr. Saunders. Dr. Saunders disse que dirigiu até Neverland, havia um quiosque na entrada da casa, ele apertou o botão, seguido por um carro até uma casa. Alguém o deixou entrar, ele esperou na entrada por cerca de meia hora.

    Dr. Saunders: Alguém, um homem, veio quando eu estava pronto para sair. E me levou para um quarto. Havia um cara deitado na cama, ele disse: 'Eu sou Michael Jackson." Eu disse: Prazer em conhecê-lo, Sr. Jackson. E ele disse: 'Eu estou doente." Dr. Saunders não reconheceu o homem na cama, como MJ. Ele disse que o quarto estava escuro.


    Dr.Saunders deu a MJ analgésicos para a dor. Ele não se lembra de quais.

    MJ disse ao médico que queria sair dos analgésicos.

    Dr. Saunders: Ele disse: 'Eu não quero acabar como meu sogro.
    Hunt: Quem era seu sogro?
    Dr. Saunders: Elvis Presley

    Dr. Saunders disse que deu  buprenorfina a MJ, porque é um opióide agonista-antagonista, usado para tratar a dor, mas tende a ser menos viciante.

    Hunt: Será que Michael Jackson lhe perguntou especificamente por buprenorfina?
    Dr. Saunders: Sim

    Hunt: Os doentes normalmente pedem medicação específica?
    Dr. Saunders: Pessoas que tomam medicamentos para a dor sabem o que funciona para eles, então sim.

    Hunt: Será que Michael nunca te disse sobre ter um implante para ajudar a lidar com seu vício em analgésicos?
    Saunders: Não

    Dr. Saunders disse que nunca ouviu o nome de Dr. Fashchian e que MJ nunca lhe contou sobre qualquer outro médico que fosse a Neverland tratá-lo.  Ele teve de ir para o pronto-socorro com o artista no Santa Inez Cottage Hospital. Ele não se lembra quando.
    Hunt: Por que você foi?
    Dr. Saunders: Ele me ligou porque tinha caído, acho quenas escadas, e tinha um problema no pé.
    Dr. Saunders: Eu acho que foi um problema no pé, eu fui vê-lo, avaliei, parecia inchado, eu recomendei fazer raio-X, levei no meu carro. "Eu o ajudei nisso" Dr. Saunders disse sobre sua chegada à sala de emergência porque MJ estava tendo dificuldade para caminhar. "Eu não acredito que eu fiquei lá. Dr. Saunders não lembra se deu qualquer medicação para dor de MJ antes de ir para o pronto-socorro.

    Dr. Saunders disse que era amigo de Michael Jackson. Eles falaram sobre tudo. "Ele era bastante solitário e não tinha ninguém em quem podia confiar", disse Saunders.

     Dr. Saunders: Às vezes a gente dirigia ao redor da fazenda em seu Navigator e conversávamos, sentava na biblioteca de vídeo e conversávamos, ou em um escritório. "E às vezes eu dizia:" você sabe que eu realmente tenho que ir para casa com a minha família' e 'Não, não Saunders, basta ficar um pouco" disse o médico.

    Dr. Saunders:. Ele disse que teve uma infância muito difícil , porque nunca lhe foi permitido ser uma criança. MJ nunca falou sobre seu pai, Joe Jackson, e como ele o tratou. MJ foi a casa de Dr. Saunders em Solvang, conheceu sua esposa e filhos. "Ele apenas apresentou-se", Dr. Saunders disse. "O motorista o levou lá, ele bateu na porta."


    "Uma vez que ele estava me contando sobre ir para Las Vegas, o quanto ele gostava de Las Vegas, comprar coisas", o Dr. Saunders testemunhou. "Ele iria para as lojas e dizia 'eu quero isso e isso', antiguidades. A casa estava cheia de tudo, incluindo antiguidades.

    Dr. Saunders: Ele sempre pagava em dinheiro porque ele não tem nenhum cartão de crédito, sem cheques
    Hunt: Como você sabe?
    Dr. Saunders: Ele me contou. Eu disse que ia enviar faturas, ele disse "não pode, eu não tenho quaisquer cheques ou cartões de crédito ou qualquer coisa"

    Registro médico: "Ele tem uma pulseira de alerta médico dizendo que ele é alérgico a Demerol". "Quando questionado, ele disse que tinha Demerol
    muitas vezes no passado.  Ele me disse isso porque não queria que lhe fosse 'dado muito Demerol. Ele não tem reação específica para Demerol.

    Dr. Saunders disse que usar alerta médico se houver alguma razão em que você for encontrado inconsciente e não é capaz de dizer suas alergias.

    Testemunho de Eric Briggs





    Advogada da AEG Sabrina Strong fez o exame. Briggs é um perito neste caso. Ele foi convidado para avaliar as projeções de Arthur Erk, especialista chamado pelos demandantes.

    Briggs trabalhou principalmente para empresas que gastam dinheiro ativamente em filmes.

    Briggs disse que analisou os primeiros quatro pareceres de Erk, desde que Erk não projetou ganhos para filmes.

    "Meu entendimento é que os danos não podem ser especulativos e eu não queria preparar um especulativo", disse Briggs.

    MJ teve uma carreira prolífica, que resultou em um catálogo que resulta em uma grande quantidade de dinheiro a cada ano. Briggs não analisou isso. Ele disse que olhou para renda que MJ teria gerado se saisse em turnê.

    Briggs: Como parte do meu trabalho, me pedem para analisar todos os tipos de coisas, incluindo o uso de drogas para alguém que precisa se apresentar. "É tudo a mesma coisa: riscos", disse Briggs. "Minha conclusão, com base nas provas apresentadas, a expectativa de vida de MJ era muito curta em junho de 2009", disse Briggs. "MJ estava tomando drogas de formas muito perigosas, tinha histórico de uso de drogas que tiveram um impacto duradouro sobre a sua saúde", ele opinou.

    Briggs: MJ tinha uma história única de grande desempenho, mas cancelamentos, especialmente nos casos em que eles estavam praticamente certos para acontecer. O especialista disse que MJ cancelou uma série de datas na turnê Dangerous para entrar em reabilitação, cancelou o especial da HBO em 1995. Além disso, o show Millennium não ocorreu, the Two Seas  não deu em nada. "Há sempre o risco de se o público vai realizar e se o artista vai aparecer", Briggs testemunhou. Ele disse que Guns N Roses, U2, Lady Gaga, Van Halen - todos os shows cancelados que estavam bastante certos de acontecer.

    "As quatro turnês adicionais também são totalmente especulativas", disse Briggs. Eles foram baseados na opinião pessoal de Erk.
    avatar
    joseph fortunato
    Membro Novato
    Membro Novato

    Mensagens : 24
    Data de inscrição : 10/08/2013
    Idade : 23
    Localização : brasília

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por joseph fortunato em Dom Ago 11, 2013 5:48 am

    Belo trabalho com o blog tay, meus parabéns e tudo de bom para vcs, feliz dias dos pais,sei lá hj me deu uma tristeza lembrei da paris e hj é dia dos pais, nossa o que eu não daria para ve-lá sorrindo traria seu pai de volta roubaria as estrelas se necessário, fiquem com deus bjs e ótimo fds Wink
    avatar
    Vall
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 575
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 50
    Localização : Mundo de Michael Jackson

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Vall em Dom Ago 11, 2013 11:11 am

    Feliz dia dos Pais pra você também Fortunato!
    Pobrezinha da Paris , deve estar sentindo muita falta do pai, com certeza.. espero que nesse momento ela esteja bem que tenha amor ao redor dela... 

    Pois é.. esse julgamento é uma incógnita, não dá pra saber realmente qual será o veredicto final, na verdade estou até com pena dos jurados, não será nada fácil.
    quanto ao enfermeiro .. achei uma quantidade muito absurda de injeções.. não to colocando fé nele não..
    avatar
    Tay
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 520
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 30
    Localização : Rio Grande do Sul

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Tay em Dom Ago 11, 2013 3:53 pm

    Jackson x AEG - 58º Dia - 29 de julho de 2013

    Fonte: MJJC
    Tradução: Tay, para o fórum MJ Art


    Nenhum membro da família Jackson estava no tribunal.


    Testemunho de Eric Briggs


    AEG


    Strong, advogada da AEG, perguntou a opinião de Briggs sobre a conclusão dos 50 shows acordados por Michael Jackson no momento de sua morte. O especialista disse que era especulativo assumir que MJ completaria todos os 50 shows em Londres.  (ABC7)


    Opinião de Brigg é que é especulativo supor que Jackson teria completado os 50 shows de "This Is It". Ele também acha que é especulativo que Jackson teria realizado a 260 shows em uma turnê mundial, como do autor especialista Arthur Erk projetou. Briggs disse ao júri que dois pontos principais para sua opinião era o histórico de cancelamentos de shows  de Jackson e seu uso de drogas prescritas. (AP)


    Briggs disse que o que é efetivamente recebido pelo artista é muito menor do que o número bruto e é com base nas despesas da turnê. Se a produção é cara, Briggs disse que para os membros do AC / DC pode ser maior do que para os membros do U2, apesar de U2 arrecadar mais. (ABC7)

    Turnês de MJ mais lucrativas: HISTORY gerou 165 milhões de dólares em 82 datas entre 1996-97. BAD gerou 126 milhões de dólares em 120 shows. Briggs disse que a turnê DANGEROUS não foi incluída porque isso não está incluída na lista das maiores turnês mais lucrativas de todos os tempos. A Turnê Dangerous foi encurtada devido MJ ter entrado em reabilitação, Briggs explicou. (ABC7)

    Ele também testemunhou que a turnê HIStory foi uma ruptura. O líquido é o valor dos bilhetes e merchandising menos todos os custos colocados no show, Briggs explicou. Com relação a turnê HIStory, Briggs disse que, com base no testemunho de Gongaware, deve ter havido custos que fizeram a tour quebrar. "O que está implícito é que MJ não gerou qualquer líquido significativo dessa turnê", disse Briggs. (ABC7)

    Briggs testemunhou que o orçamento da AEG mostra que MJ, se completasse todos os 50 shows, teria levado para casa entre $ 22 e US $ 31 milhões. Este montante inclui bilhetes e merchandising, mas não endosso, Briggs disse.  (ABC7)

    Strong mostrou um gráfico de "Likability", de MJ, que declinou depois de 1993. O gráfico mostra uma impressão negativa-positiva. Briggs disse que, em 2006, houve 1 (uma) pessoa com impressão positiva para cada 7,4 pessoas com impressão negativa de MJ. Briggs disse que em 1993, a simpatia do MJ era muito boa comparada a outros artistas. A partir desse ponto, diminuiu substancialmente. Briggs explicou que, em 1993, houve um início de algumas manchetes significativamente negativas associadas a MJ, o abuso de drogas e outras questões. Não há dados disponíveis de 2006 a 2009. Briggs disse que solicitou os dados, mas não foi capaz de obtê-los. Ele disse que se a simpatia de alguém é tão negativa, eles deixam as pessoas fora da lista, já que nenhuma empresa gostaria de alinhar-se com eles. (ABC7)


    Briggs mudou para discussões sobre as vendas de álbuns, o que diminuíram ao longo da carreira de Jackson, e ele atacou a premissa de um show tributo em Vegas. Show de homenagem só funcionam se o artista está morto, disse Briggs. Ele disse que as projeções de Erk para um show tributo também foram especulativas. (AP)

    "Na minha empresa, apenas expressando interesse, isso não significa que vai acontecer", opinou o especialista. Ele disse que eram as idéias e ele vê as idéias lançadas o tempo todo. Briggs: Las Vegas é um mercado muito competitivo. Cada hotel quer um show que agrada a um público amplo. "É difícil fazer grandes apostas, se há grandes questões sobre simpatia e previsibilidade." "Entertainment é sobre encontrar uma audiência", disse Briggs. "Ninguém pode prever se ele vai ser bem sucedido até que vender os bilhetes." Briggs disse que seu entendimento é que o MJ Estate não concordou com a proposta de Las Vegas turnê AEG. (ABC7)

    Por fim, ele discutiu filmes e se Jackson era certeza de sucesso na indústria cinematográfica. Sua opinião era de que MJ não estava garantido ao sucesso. (AP)


    Briggs:. Eu não sei como alguém pode projetar, com razoável certeza, que o MJ seria bem sucedido em produção de filmes. (ABC7)

    -----------------------------------------------
    Rebbie Jackson iria depor nesta quarta-feira, mas está doente. Outras testemunhas esperadas para esta semana: Debbie Rowe e Randy Jackson através de vídeo-depoimentos. (ABC7)
    avatar
    Tay
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 520
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 30
    Localização : Rio Grande do Sul

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Tay em Dom Ago 11, 2013 9:49 pm

    Jackson x AEG - 59º Dia - 30 de julho de 2013

    Fonte: MJJC
    Tradução: Tay, para o fórum MJ Art

    Katherine e Trent Jackson estava presente no tribunal.

    Antes testemunho retomar, Kathryn Cahan, da AEG disse que na semana passada, durante o vídeo de deposição de Dr. Saunders 'foi mostrado, não foi lida uma correção. Ela disse que quando o Dr. Saunders diz que as únicas duas drogas que conhecemos eram Demerol e morfina - deveria ser buprenorfina em vez de morfina. (ABC7)


    Testemunho de Eric Briggs

    AEG

    Strong continuou seu questionamento. Briggs disse que ficou encarregado de analisar a projeção de Erk relacionada com o potencial de renda com o trabalho de MJ.

    Conclusões de Briggs:
    1 - É especulativo se estes projetos seriam concluídos;
    2 - A projeção e os números são especulativos (ABC7)


    Strong terminou suas perguntas. O advogado de Jackson, Brian Panish, começa seu interrogatório.


    Jackson

    "Eu estou empenhado neste assunto como um perito," Briggs respondeu. "Minha empresa foi contratada pela AEG e O'Melveny & Myers." (ABC7)

    Panish: Então você não é independente?
    Briggs: Eu não tenho certeza se eu entendo onde você quer chegar com isso (ABC7).

    Briggs disse que teve entre 4 e 6 reuniões com os advogados da AEG nas últimas duas semanas. O especialista disse que trabalhou de 40-50 horas aproximadamente desde o dia 18 de julho. (ABC7)

    Panish: Quanto, senhor, tem cobrado a O'Melveny & Myers?
    Briggs disse que a conta total é da ordem de US $ 600.000 a US $ 700.000.
    Panish: E você diz que é independente, correto, senhor?
    Briggs: Eu estou oferecendo minha opinião independente sobre este assunto. (ABC7)

    Briggs disse que seu entendimento é de que não há outra pessoa contratada pela AEG para testemunhar sobre os danos neste caso. (ABC7)

    Briggs disse que leu milhares de páginas de depoimentos, provavelmente 10 mil. Panish perguntou se Briggs fez resumos dos depoimentos. Ele disse que não. "Eu não posso lhe dar uma lista exaustiva de todos os depoimentos que revisei ​​neste caso", disse Briggs. Briggs disse que analisou as declarações de abertura de ambas as partes. Briggs disse que só testemunhou uma vez no Reino Unido relacionado a um caso de imposto. Ele nunca testemunhou diante de um tribunal nos EUA. (ABC7)

    Briggs também disse que nunca produziu shows. As pessoas na indústria da música são os seus clientes, disse Briggs. (ABC7)

    Panish: E o álbum mais vendido na história é "Thriller", correto, senhor?
    Briggs: Eu acredito que está correto. O gráfico afirmou que vendeu 65 milhões. (ABC7)

    "Eu não acredito que os réus estão admitindo que eles devem nada", disse Briggs.
    Panish: MJ ganharia nenhum dinheiro no futuro se não tivesse morrido? Briggs: A minha opinião é que é especulativo projetar que ele (MJ) ganharia dinheiro relacionado ao trabalho. (ABC7)

    Panish: Sua opinião, se MJ não tivesse morrido, ele teria ganho nenhum dinheiro, correto?
    Briggs: Essa não é minha opinião
    Briggs: A minha opinião é que é especulativo projetar lucros para o trabalho futuro.
    Panish: Ele poderia ter feito dinheiro trabalhando?
    Briggs: Claro, tudo é possível. (ABC7)

    Panish: Como você sabe que ele estava em dívida?
    Briggs: Houve extenso depoimento, neste caso, sobre a dívida de MJ (ABC7)

    Panish perguntou se o valor bruto que Briggs coloca para o catálogo da Sony é bem superior ao valor da dívida de MJ. "Eu não me lembro o número", disse Briggs. "Eu não acredito que seja o caso."

    Briggs disse que realizou a avaliação de catálogo da Sony, muitas vezes, e sua resposta foi relacionada a junho de 2009. Briggs disse que estava trabalhando com alguém não relacionado a este caso sobre o valor do catálogo da Sony. Briggs pediu ao juiz para instruí-lo sobre o que ele deve responder, uma vez que Panish quer saber com quem ele estava trabalhando sobre o catálogo. (ABC7)

    Briggs disse que não é confortável divulgar os nomes das empresas que contrataram ele antes. A Juíza Yvette Palazuelos ordenou que ele respondesse.
    Briggs: Em um caso particular, um escritório de advocacia nos contratou. Foi no final de 2009, depois que Michael Jackson havia morrido. Panish perguntou se antes de MJ morrer, qualquer escritório de advocacia contratou a empresa para avaliar os ativos de MJ. Briggs disse que não se lembra. (ABC7)

    Briggs nunca realizou uma auditoria para uma gravadora. (ABC7)

    Panish perguntu se Briggs trabalhou com MJ antes de ser retido no presente caso. Ele disse que sim e que discutiu com a AEG. Briggs testemunhou que a AEG não viu o trabalho feito em compromissos anteriores como um conflito de interesses.

    "Eu fui um pouco mais longe e disse-lhes (a AEG) que eu não estaria discutindo nada sobre o meu outro trabalho", disse Briggs

    Ele falou com Jeryll Cohen do Espólio de MJ e ela deu OK para depor como testemunha neste caso. Ela estava bem consciente do que estava acontecendo e aprovou. Briggs contou que ele disse a ela que não tinha nenhum interesse em compartilhar o trabalho feito para o Espólio. Briggs disse que ele falou com Cohen novamente cerca de dois meses atrás, e ela reconheceu o seu trabalho neste caso. (ABC7)

    Panish pediu Briggs sobre fazer avaliações de risco, e se ele considerou Conrad Murray um risco significativo para a vida de Jackson. Briggs disse que não poderia oferecer uma opinião médica, mas apenas considerar as opiniões de outros médicos especialistas no caso. Panish mencionado relatório e o testemunho do legista e que, especificamente, não encontrou nenhuma evidência de problemas cardíacos em Jackson. (AP)

    Briggs disse que contou com o advogado da AEG para dar-lhe todos os materiais relevantes relacionados com o que ele foi convidado a opinar. O especialista disse que não reviu o relatório da autópsia de MJ, já que ele não tem capacidade de entendê-lo. (ABC7)

    Panish: AEG pensou que MJ poderia fazer 50 shows, senhor?
    Briggs: A AEG tinha um plano para 50 shows, teve um orçamento de 50 shows, eles estavam interessados ​​em fazer 50 shows. (ABC7)

    Panish perguntou quem era mais entendido em shows, se Briggs ou Paul Gongaware. Briggs respondeu que isso depende de qual aspecto do negócio. (ABC7)

    Panish: Será que AEG já o contratou para ver se o show aconteceria ou não?
    Brigss: AEG não me contratou antes de fevereiro deste ano.
    Briggs: Se eu fosse contratado, eu daria a minha opinião de que é possível que os nove meses teriam sido concluídos. "Parecia que eles (AEG) acreditavam que os shows teriam seguido em frente", Briggs testemunhou. (ABC7)

    Panish: Foi a AEG fraudulenta na venda de ingressos para os shows?
    Briggs: Eu não posso opinar sobre isso, eu não sou um especialista em fraude. (ABC7)
    avatar
    Tay
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 520
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 30
    Localização : Rio Grande do Sul

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Tay em Dom Ago 11, 2013 10:29 pm

    Jackson x AEG - 60º Dia - 31 de julho de 2013

    Fonte: MJJC
    Tradução: Tay, para o fórum MJ Art

    Katherine e Trent Jackson estavam presentes no tribunal.


    Testemunho de Eric Briggs

    Jackson


    Fora a presença do júri, esta tarde, a juíza Yvette Palazuelos permitiu que Panish questionasse Briggs sobre sua conexão com o Espólio.

    Palazuelos também perguntou sobre as outras entidades Briggs tinha feito um trabalho para a análise de ativos de Jackson.

    Panish tem dito repetidamente que os cálculos de Briggs "sub-valorizam o catálogo e que sua menção a dívida de MJ, em seu depoimento no caso da AEG, não leva em conta o valor real do catálogo Sony-ATV no momento em que Jackson morreu.

    Panish diz que o advogado do espólio, Howard Weitzman vai comparecer ao tribunal (provavelmente amanhã) e discutir se Briggs pode discutir seu trabalho. (AP)

    Briggs: a capacidade do MJ para garantir o apoio de empresas financeiras foi afetada pelas manchetes negativas associadas com suas dívidas. Panish perguntou se Pepsi, Nike, Red Bull, empresas de refrigerantes são empresas financeiras. Briggs disse que não. (ABC7)

    Em seu depoimento, Briggs disse que não sabe de nada especificamente que a AEG tenha feito para avaliar a saúde do MJ. (ABC7)

    HIStory Tour de MJ teve em média 55mil pessoas, preço médio do ingresso foi de $ 37, que é um terço do preço do bilhete da turnê do U2. O último show de MJ foi há cerca de 10 ou 12 anos antes do U2. U2 tem em média 66mil pessoas.
    Panish fez este cálculo: 5mil (média de audiência de MJ) x 186 shows (o plano de Gongaware) x $108 (valor médio do ingresso de TII) = 1,1 bilhão.

    Panish perguntou se haviam alegações de uso de drogas sobre os Rolling Stones e os membros do AC / DC. Briggs disse que sim, haviam manchetes sobre o assunto. Panish perguntou se eram as mesmas manchetes as quais Briggs se referiu sobre Michael Jackson. Briggs disse que o uso de drogas do MJ foi analisado com base em depoimentos neste julgamento, não em manchetes dos tablóides. (ABC7)

    Panish perguntou se o Dr. Earley disse que MJ não deveria ser culpado por seu vício. Briggs disse que sim, mas disse que os viciados devem assumir a responsabilidade (ABC7)

    "Houve um exame físico sobre MJ no início de 2009", disse Briggs. Ele acrescentou que não sabe quem contratou o médico e quem lhe pagou. Briggs disse que lembro de ter lido sobre MJ conseguir passar em um exame físico e que estava tudo bem.

    Panish perguntou quantos shows MJ realizou em sua carreira. Briggs disse que não sabe ao certo, pensa que cerca de 270. (ABC7)

    O testemunho de Briggs revisou sobre Tom Barrack. Panish perguntou se Barrack disse que se MJ queria que ele pudesse ganhar US$ 500 milhões por ano. Briggs disse que não. Barrack é da Colony Capital, uma empresa de investimentos. Panish mostrou a deposição de Barrack dizendo que MJ era um cara que poderia fazer $500 milhões por ano, se colocasse a cabeça nisso.

    Panish perguntou se MJ pagou as contas e despesas de Katherine Jackson. Briggs disse que não se lembra dos comentários específicos. Panish perguntou se MJ comprou um motorhome para sua mãe de $500,000. Briggs disse que ele não se lembra. Panish queria saber se Briggs revisou todos os documentos relevantes neste caso. Ele disse que os advogados deram-lhe documentos e ele pediu outros (ABC7)

    Panish perguntou quantos espetáculos a AEG faz em um ano. Briggs disse que não sabe. Briggs estimadu centenas, talvez milhares acontecem em um ano em todo o mundo. (ABC7)

    Briggs disse que às vezes os seus clientes não seguem os seus conselhos. "Nosso conselho nem sempre é certo", disse o especialista. "A verdade da minha opinião não tem nada a ver com o quanto está sendo pago neste caso," Briggs testemunhou. (ABC7)

    Panish: Você concorda Mj poderia ter saído em turnê?
    Briggs: Se tivesse vivido, é possível.
    Panish: Poderia o Sr. Jackson fazer filmes?
    Briggs: Sim
    Panish: Será que ele ataria em filmes?
    Briggs: É possível, com certeza
    Panish: Quanto os atores são pagos por bons filmes?
    Briggs: Ele pode variar de alguns milhões para muitos milhões de dólares
    Panish: MJ poderia ter feito gravações?
    Briggs: Sim, é possível

    Katherine Jackson afirmou que Michael Jackson não queria fazer o moonwalk aos 50 anos de idade, disse Briggs. Panish perguntou se Ortega declarou que ele queria fazer filmes com MJ e estar envolvido em qualquer coisa relacionada a Jackson. Briggs disse que sim. Panish perguntou se Taj Jackson também testemunhou sobre MJ querendo fazer filmes. Briggs respondeu que sim. (ABC7)

    Panish perguntou sobre álbum "Thriller 25", lançado em 2006 ou 2007. Briggs disse que se concentrou em novos álbuns de MJ em seu gráfico. "Eu o descreveria (Thriller 25) como um relançamento tão bem sucedido", disse Briggs. (ABC7)

    -----------------

    Panish perguntou se Briggs fez um extenso trabalho sobre o valor do catálogo Sony/ATV. Briggs disse que o trabalho foi realizado após a morte de MJ, mas a avaliação é da data da morte. (ABC7)

    Juíza: Parece que você tem informações não sujeitas a privilégio, com outras empresas que ordenaram a avaliação.
    Panish disse que o valor [catalogo Sony/ATV] varia entre 8 bilhões de dólares. Ele sabe que a Receita Federal tem dado muito mais valor, o advogado argumentou.
    Perry Sanders: o outro lado poderia estipular há outra avaliação que diz o catálogo da Sony é quase 2 vezes maior que dívida.
    Bina: O problema é que não sabemos a resposta, não sabemos o que é verdade. (ABC7)
    ------------------------------

    John Branca é um advogado de entretenimento de destaque. Briggs disse que ele foi trazido de volta na época em MJ morreu. Briggs não se lembra de Branca dizendo que acredita que MJ poderia ter feito os 50 shows. Panish perguntou se Briggs notou algo de positivo que Branca tenha dito em relação à capacidade do MJ para ganhar dinheiro. Ele disse que não acredita que ele tenha dito. (ABC7)

    Panish: Tudo o que lembro é das coisas que eram contra MJ?
    Briggs: A minha opinião não são contra MJ (ABC7).
    avatar
    Tay
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 520
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 30
    Localização : Rio Grande do Sul

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Tay em Dom Ago 11, 2013 10:39 pm

    joseph fortunato escreveu:Belo trabalho com o blog tay, meus parabéns e tudo de bom para vcs, feliz dias dos pais,sei lá hj me deu uma tristeza lembrei da paris e hj é dia dos pais, nossa o que eu não daria para ve-lá sorrindo traria seu pai de volta roubaria as estrelas se necessário, fiquem com deus bjs e ótimo fds Wink
    Obrigada, Joseph! Nós do MJ Art tentamos manter as informações atualizadas, na medida do possível, e prezando sempre pela qualidade.
    Paris está se recuperando e esperamos que logo ela esteja 100% novamente! O dia dos pais nos EUA é celebrado em junho. Com certeza, ela deve sentir muita saudade do pai... Prince e Blanket também. São crianças maravilhosas que merecem todo nosso amor e carinho.

    Aliás, seja bem vindo! Sinta-se em casa. Very Happy
    avatar
    joseph fortunato
    Membro Novato
    Membro Novato

    Mensagens : 24
    Data de inscrição : 10/08/2013
    Idade : 23
    Localização : brasília

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por joseph fortunato em Dom Ago 11, 2013 11:26 pm

    Michael já não tina pago suas dividas ano passado? acho que era 500 milhões de dollares não? essa informação  de seu catalogo na sony chegaria 1 um bilhão e 500 milhões de dollares a sua parte, sera ridículo se eles perderem esse processo e terem que venderem por causa da ganancia desses indivíduos cara os fãs dele vão ficar decepcionados.
    avatar
    Vall
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 575
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 50
    Localização : Mundo de Michael Jackson

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Vall em Seg Ago 12, 2013 10:10 am

    joseph fortunato escreveu:Michael já não tina pago suas dividas ano passado? acho que era 500 milhões de dollares não? essa informação  de seu catalogo na sony chegaria 1 um bilhão e 500 milhões de dollares a sua parte, sera ridículo se eles perderem esse processo e terem que venderem por causa da ganancia desses indivíduos cara os fãs dele vão ficar decepcionados.
     de acordo com os executores do espólio, a dívida que Michael deixou está praticamente paga, acho que não irão vender o catálogo por conta disso, haja visto que Michael deixou muitos bens, acredito que existem outras fontes das quais poderão utilizar para desembolsar esse dinheiro.
    avatar
    Tay
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 520
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 30
    Localização : Rio Grande do Sul

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Tay em Seg Ago 12, 2013 4:39 pm

    joseph fortunato escreveu:Michael já não tina pago suas dividas ano passado? acho que era 500 milhões de dollares não? essa informação  de seu catalogo na sony chegaria 1 um bilhão e 500 milhões de dollares a sua parte, sera ridículo se eles perderem esse processo e terem que venderem por causa da ganancia desses indivíduos cara os fãs dele vão ficar decepcionados.
    Se você está se referindo a projeções dadas pelo especialista Briggs... ele se refere ao período de 2009 quando fala sobre as dividas de Michael. Todas as suas projeções são com base na situação tida até 2009.

    Eles não terão que vender nada, porque simplesmente não podem. A parte de MJ no catalogo Sony/ATV pertence aos filhos dele somente e vale muito mais que isso. É administrado pelos executores do espólio e jamais vão apoiar que seja vendido, nem mesmo as crianças apoiariam. Isso está fora de cogitação totalmente.

    Eu duvido muito que a AEG exija qualquer ressarcimento (se é que podem pedir), caso ganhem o processo. E nem precisariam disso. Penso que eles querem mais é que essa história se encerre o mais rápido.
    avatar
    Vall
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 575
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 50
    Localização : Mundo de Michael Jackson

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Vall em Seg Ago 12, 2013 5:30 pm

    só complementando o que a Tay disse, na verdade esse julgamento tem sido desastroso pra AEG, analisando em termos de reputação, os artistas não tem visto com bons olhos, haja visto o tratamento que foi dado a MJ, nem sequer pensaram no ser humano, visaram somente lucros, não se preocuparam em cuidar dele como devido, foram displicentes.
    avatar
    joseph fortunato
    Membro Novato
    Membro Novato

    Mensagens : 24
    Data de inscrição : 10/08/2013
    Idade : 23
    Localização : brasília

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por joseph fortunato em Seg Ago 12, 2013 5:48 pm

    Claro aeg prejudicou sua imagem nesse julgamento e michael também essas coisas que revelaram no julgamento deveriam ter ficado no sigilo, mas la nos eua eles não precisam entrar contra outra ação de ressarcimento no termino eles já pode pedir, isso um professor de direito internacional amigo do meu irmão disse, mas aeg é multibilionária esse dinheiro não atingi nem 0,5% do seu patrimônio talvez eles não peçam nada, mas depois que michael passou na mão desse infelizes eu não sei, mas ele podem pedir pq comprovada sua inocência(entre aspas), eles vão alegar que sua idoneidade moral  foi manchada aí entra o ônus da sucumbência ressarcimento do erário processual, pagamento da custas do advogado e o valor pedido no processo, esses caras da aeg venderiam mãe para ganhar dinheiro não confio neles.
    avatar
    joseph fortunato
    Membro Novato
    Membro Novato

    Mensagens : 24
    Data de inscrição : 10/08/2013
    Idade : 23
    Localização : brasília

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por joseph fortunato em Seg Ago 12, 2013 6:20 pm

    Ficaram sabendo quem está querendo comprar neverland? haha coitado do parque vai virar uma zona se é que vcs me entendem.
    avatar
    Vall
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 575
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 50
    Localização : Mundo de Michael Jackson

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Vall em Seg Ago 12, 2013 6:34 pm

    joseph fortunato escreveu:Ficaram sabendo quem está querendo comprar neverland? haha coitado do parque vai virar uma zona se é que vcs me entendem.
     Isso é mentira.. Neverland não está à venda.. 85% de Neverland pertence aos Ps..  aliás Neverland nunca esteve à venda.. desde 2009 isso já estava certo... 

    Essa história do JB.. é notícia tabloideana, assim como muitos outros também disseram que iam comprar Neverland.. kkkk.. Lady Gaga.. e outros por ai...

    JB está desesperado, precisa estar em evidência.. inclusive a criatura saiu pelado em site!.. kkkk , eu morro de rir com essas coisas... kk
    avatar
    joseph fortunato
    Membro Novato
    Membro Novato

    Mensagens : 24
    Data de inscrição : 10/08/2013
    Idade : 23
    Localização : brasília

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por joseph fortunato em Ter Ago 13, 2013 8:35 am

    Não entendo como esse cara faz tanto sucesso se suas músicas são péssimas, nem chegam aos pés de lendas como frank sinatra,elvis presley,freddy mercurie,michael j,tupac entre outros poucos, saudades dos anos 80 e 90 quando música era música, tenha pena dessa geração de não ter visto slash e michael juntos no palco mesmo não sendo fã de ambos aquilo foi épico, já estão sabendo do novo dueto do michael com mercury que eles vão lançar? deus abençõe vcs,abraços.
    avatar
    Tay
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 520
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 30
    Localização : Rio Grande do Sul

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Tay em Ter Ago 13, 2013 4:12 pm

    Vall escreveu:só complementando o que a Tay disse, na verdade esse julgamento tem sido desastroso pra AEG, analisando em termos de reputação, os artistas não tem visto com bons olhos, haja visto o tratamento que foi dado a MJ, nem sequer pensaram no ser humano, visaram somente lucros, não se preocuparam em cuidar dele como devido, foram displicentes.

    Se pensarmos somente pelo lado de que a AEG é uma empresa, visar lucro é o minimo que se espera. E MJ era um adulto, inteligente e em plena consciência e capacidade, pai de 3 filhos maravilhosos que ele criou sozinho.

    Mas eu concordo c/ vc... em termos de reputação/moral, td isso deve ter tido um impacto negativo em relação aos artistas que trabalham c/ a AEG. Não digo pela ideia de como MJ foi tratado a respeito de sua saude, pois é justamente essa responsabilidade que está se definindo no tribunal. Mas da forma como se referiram a ele em e-mails, por exemplo, como um "freak". Se foram capazes de se referir assim ao maior artista do planeta, como se referem aos demais artistas?


    Claro que, na época, eles jamais imaginariam que estas conversas se tornariam públicas. Mas não deixa de ser uma tremenda falta de respeito c/ a pessoa c/ quem estavam firmando contrato e projetos profissionais. Profissionalismo zero!


    Mas penso que, em termos morais, a coisa tá negativamente empatada tanto pros Jacksons qto pra AEG.
    avatar
    Vall
    Administrador
    Administrador

    Mensagens : 575
    Data de inscrição : 31/01/2013
    Idade : 50
    Localização : Mundo de Michael Jackson

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Vall em Ter Ago 13, 2013 6:38 pm

    Tay escreveu:
    Vall escreveu:só complementando o que a Tay disse, na verdade esse julgamento tem sido desastroso pra AEG, analisando em termos de reputação, os artistas não tem visto com bons olhos, haja visto o tratamento que foi dado a MJ, nem sequer pensaram no ser humano, visaram somente lucros, não se preocuparam em cuidar dele como devido, foram displicentes.
    Se pensarmos somente pelo lado de que a AEG é uma empresa, visar lucro é o minimo que se espera. E MJ era um adulto, inteligente e em plena consciência e capacidade, pai de 3 filhos maravilhosos que ele criou sozinho.

    Mas eu concordo c/ vc... em termos de reputação/moral, td isso deve ter tido um impacto negativo em relação aos artistas que trabalham c/ a AEG. Não digo pela ideia de como MJ foi tratado a respeito de sua saude, pois é justamente essa responsabilidade que está se definindo no tribunal. Mas da forma como se referiram a ele em e-mails, por exemplo, como um "freak". Se foram capazes de se referir assim ao maior artista do planeta, como se referem aos demais artistas?


    Claro que, na época, eles jamais imaginariam que estas conversas se tornariam públicas. Mas não deixa de ser uma tremenda falta de respeito c/ a pessoa c/ quem estavam firmando contrato e projetos profissionais. Profissionalismo zero!


    Mas penso que, em termos morais, a coisa tá negativamente empatada tanto pros Jacksons qto pra AEG.
     tem razão Tay. esse julgamento ficou péssimo para ambos.. mas.. o que mais me dói é que de novo nem um nem outro se importaram com MJ, jogaram o nome dele na lama mesmo.. sem dó nem piedade.. pra família foi desastroso, principalmente pelo fato de ser família..

    Conteúdo patrocinado

    Re: [Jackson x AEG] Acompanhe o julgamento - Discussões gerais e Atualizações Diárias

    Mensagem por Conteúdo patrocinado


      Data/hora atual: Dom Set 24, 2017 5:12 pm